27 de jun de 2010

Deus e o Presideus

Diante das tragédias que desmilinguem mais ainda o Nordeste que ainda sobra das águas que inundam Alagoas e Pernambuco, Lula - o que também se chama Dilma, não tem dúvida alguma: - É herança dos governos anteriores que permitiram que as pessoas se instalassem em áreas de risco.

Só um pouquinho aí, vamos por partes: 1) o Cara está há oito anos no poder e deixou as pessoas morando lá; 2) Pior, um dos governos anteriores foi o dele mesmo; 3) tem mais: os R$ 500 milhões que "destinou" agora para salvar a pátria são aqueles que estavam enfurnados nos cofres da área de Defesa Civil do seu governo que na hora de trabalhar mesmo não consegue tirar os programas do papel.

Fica a nítida impressão de que nos governos anteriores não havia terremoto, maremoto, tremilique, enxurrada, desabamento, chuva e trovoada como agora nesses últimos oito anos de governo. Se não é um legítimo caso de pé-frio, então vai ver que Deus não é mais brasileiro. Cansou da concorrência. Deve achar que há outros povos que precisam mais de Sua atenção e proteção do que aquele que já tem um presideus.


Inda que mal pergunte: se quem segue Zé Serra é um tucano, por que aquele que adora Lula não pode ser um louva-a-Deus?!?